Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.

Salve, salve…

Ei, pessoinhas queridas, amadas
e idolatradas, salve, salve.

É com vocês que estou falando…

Vocês querem ‘matar’ este
modestíssimo escriba do coração
que, aliás, já anda baleado de
tantas e tamanhas que a vida
lhe deu e lhe tirou? É isso?

Como não entendem?

Não se façam de rogados, não.
A mim, vocês não enganam.

Vou ser claro e lhes dizer
o porquê do meu espanto e
da culpa de cada unzinho que
está aí, do outro lado.

Ontem – prestem atenção – ontem,
eu lhes disse que este descompromissado
blog comemorou o feito das 1.500 visitas
mensais. Leram isso?

Vou repetir o recorde de acessos mensais
por aqui, que era de 1.444 em novembro,
chegou em 29 de janeiro, Dia Nacional
do Jornalista, a 1.511 – e eu fiquei
imensamente feliz.

Agora, abro os indicadores que
a Red Consultoria – empresa que viabilizou
o projeto do site/blog – me disponibiliza
diariamente – e vejo lá o quê?

O quê? O quê? O quê?
Só ontem foram registradas 336 visitas.

Pois é…

Isto é marca de blog famoso,
assinado por gente famosa, com espaço
em outras mídias, igualmente famosas.

E mesmo assim que falam
de assuntos como política, futebol,
futebol e política… Qual outro assunto?
Celebridades, baladas, talvez, talvez.

Isto numa baita provedor, e com
chamada na primeira – perdoem a linguagem,
é que sou das antigas.

Olhem lá, hein!

Vocês estão me acostumando mal.
Vou querer vê-los todos os dias – e aí?

Bem, e aí que eu estou muito feliz.
E me comprometo – que medo! – a completar
as diversas etapas que ainda faltam
em nosso site/blog – que, por motivos, diria,
logi$ticos e sentimentais não pude viabilizar.

Tenho obrigação de apresenta-las,
agora, a vocês.

01. Quero postar o livro, aquele que perdi
no compartimento secreto do notebook,
e que, quando narrei a tragédia,
os internautas deram a maior força para
tentar recuperar os originais. Se vocês
estavam zuando, agora agüentem.

02. Há outros textos mais longos,
como Crônicas de Guarapari, A Varanda,
Eufrázio, Notas de Viagem – são títulos
provisórios, ok? – que também quero
publicá-los aqui, talvez na seção Parangolés.

(Não fujam, não fujam que tem mais.)

03. Tenho dezenas de reportagens
e entrevistas que realizei ao longo desses
33 anos de profissão – completo em março –
e preciso digita-las para integrar
as seções Reportagens e Leia Esta Canção.
Recuperei também um bom número
de colunas de futebol (Toque de Bola),
que escrevi na década de 80.

04. Pesquisar os textos que ainda faltam
nos arquivos dos diversos jornaisem
que trabalhei. Isto é barra! Só por
vocês farei isso.

05. Agilizar a colaboração de amigos,
alunos, ex-alunos, jornalistas e quem mais
for bacanudo para integrar, com textos
inéditos ou não, a seção Uns e Outros.

06. Fazer entrevistas com jornalistas
e escritores sobre o Brasil de hoje e este
momento de transição – desafiador –
por qual passam o País e a mídia.

07. Procurar mais links interessantes
e outros babados para a seção Toques e Retoques.
Ver com o Thiago, da Red Consultoria,
um espaço para fotografias e fotógrafos.

De resto, continuar escrevendo diariamente,
acreditar sempre – e renovar a cada manhã
o compromisso de estarmos juntos…

* Me empolguei. Mas, entendam…
Viver é não ter a vergonha de ser feliz.
E, repito, vocês me fizeram – e muito/tudo!

Obrigado! E voltem amanhã…

signature