Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.

Saudades todas… (2)

Posted on

Foto: Reprodução/Instagram

Assim é um dia das mães (*)

Mãeeeeeeeeeeeeeê… cheguei!

Mãe, o almoço, tô morrendo de fome.

Mãe, aprontou minha roupa?

Mãe, me dá uma carona até a escola?

Mãe, foi sem querer, juro… Não fiz por mal.

Mãe, prende meu cabelo.

Mãe, segura minha mão.

Mãe, fala com o pai que eu estou ficando com o Marcelo.

Será que o pai me deixa namorar?

Mãe, tô precisando de uma graninha extra, tem jeito?

Mãe, pede pizza hoje.

Mãe, quero ser modelo.

Me leva na academia.

Vamos no shopping.

Mãe, deixa… vai mãe!

Mãe, não gosto de tomar remédio. Me livra disso!

Mãe, tirei nota vermelha. Assina aqui. Não conta nada pro pai.

Mãe, onde está minha bola?

Mãe, tô precisando de umas roupinhas novas. Básicas.

Mãe, e aí belezinha, me acorda às seis. Preciso estudar.

Mãe, só mais um minutinho, vá. Tô com sono, muito sô…

Mãe, posso faltar na escola.

Mãe, me leva no Mcdonalds.

Mãe, outra vez aquela canção do Roberto, não, né?

Mãe, não acredito!

Mãe, eu preciso ir mesmo no almoço da casa da vó?

Mãe, perdi o sono, conversa comigo.

Mãe, minha camisa de goleiro, que eu vou jogar bola.

Mãe, conheci uma moça e… 

Mãe, empresta o carro?

Mãe, não sei a que hora eu volto. Vou demorar.

Mãe, fui!

Mãe! Mãe! Cadê você?

Me abraça.

Que saudade!

Te amo…

Bênção!

Flores e orações…

Onde quer que você esteja.

Agora e sempre.

* Texto publicado em maio de 2007.

Faz parte da coletânea O Natal, o Menino e o Sonho (2016).

 

 

signature

Ainda nenhum comentário.

O que você acha?

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *