Sign up with your email address to be the first to know about new products, VIP offers, blog features & more.

Escova e a adorável errata

Escova, o mais assíduo personagem das minhas mal traçadas, exerce por livre e espontânea vontade a função de ombudsman deste Blog.

Não é nada oficial.

Mas, por ser um amigo antigo e parceiro de reportagens e estripulias do tempo em que trabalhávamos na velha redação de piso assoalhado e grandes janelões para a rua Bom Pastor, ele acha que pode e tem moral e competência para dar uma ajuda nesta minha lida diária.

É portanto um dos meus cinco ou seis fiéis leitores.

Sempre ouço as observações do amigo. Algumas fazem sentido; outras nem tanto. São frutos da prodigiosa imaginação do Dom Juan das Quebradas do Sacomã, como o apelidamos naqueles idos e bons anos.

Hoje, tenho que reconhecer, o Escova deu uma dentro.

Chamou minha atenção para um erro que cometi ao escrever em 3 de outubro a crônica/post “Tributo ao Nasci”, nosso saudoso amigo e mestre.

– Meu considerado, disse Escova. – Você acertou no alvo quando reverenciou a lembrança do grande Nasci. Neste ano, e neste mês de outubro, ele completaria 80 anos. Só que não foi no dia 3, como você erradamente julgou e publicou – e, sim, neste 21 de outubro próximo passado. Valeu a intenção, mas, creio, valeria também uma errata aos respeitáveis leitores.

Escova, como dizem pela aí, matou a cobra e mostrou… a prova:

– Navegando na internet – disse-me ele – encontrei um site chamado Espaço dos Anjos, assinado por uma tal de Leopoldina.

Sim, e daí? – perguntei.

– Daí, que lá encontrei postado um texto seu, A Noitada, que fala de nossas andanças nas madrugadas da vida, acompanhando e ouvindo as histórias do Nasci, lembra? Ô saudade…

Lembro – e como! Das noitadas propriamente ditas e do texto que, inclusive, faz parte do meu livro Volteios. Só não me recordo de que, ali, tenha citado a data do nascimento do Mestre.

– Você, não. Mas, ela sim. Leopoldina é o codinome da filha do Nasci. Ela postou o texto em 21 de outubro de 2008. Ao final, colocou a seguinte nota: ‘O Nasci é meu pai, e hoje ele faria 74 anos. (Leopoldina)’

Fiquei emocionado pelo bom uso de um texto meu, agradeci ao Escova pelo precioso achado e corri para o computador a fim de corrigir o erro, reiterando a imensa saudade do amigo.

signature